Ir para o conteúdo

Contratação de Serviço (Operação de Terceiros)

Conhecer o Processo

O que é?

O processo Contratação de Serviço (Operação de Terceiros) é utilizado quando o processo produtivo de um produto possui uma operação a ser realizada em um terceiro, ou seja, fornecedor de um serviço. Através de uma operação de “Terceiros”, as peças são remetidas ao fornecedor que irá industrializar essas peças, e assim que pronto, o mesmo retorna para a empresa para seguir no processo produtivo.

Para que Serve?

No roteiro de fabricação, sendo informada uma operação de "Terceiros" para determinada peça, a qual será realizada no fornecedor, com isso, ao emitir uma ordem de fabricação, uma ordem de compra de serviço é automaticamente gerada, e a partir dessa, um pedido de compra de serviço pode ser criado.

Uma vez que o Pedido de Compra de Serviço é cadastrado, vincula-se o mesmo em uma Nota Fiscal de Saída com o objetivo de remeter essas peças ao fornecedor. No momento que a nota retorna do fornecedor e a mesma é lançada no sistema, ocorre a baixa da ordem e do pedido de compra, conforme parametrizações.

Possibilita, ainda, o controle dos preços de serviços terceirizados, levantando-se em conta indicadores dos fornecedores preferenciais.

Roteiro de Implantação

Parâmetros

Os parâmetros necessários para prestação de serviços encontram-se nas seguintes pastas:

Parâmetros da Tabela de Compras (FUTL0125 PRC PRC)

Parâmetros da Tabela de Compras

3 - Permite O Cadastro De Itens Fabricados Na Tab. De Preços De Compra.

Deve estar respondido como "S", caso a empresa desejar utilizar o processo de preço do serviço de terceiros, pois o mesmo indica se será possível incluir ou não itens fabricados na tabela de preço de compra.

Parâmetros do Pedidos de Compras (FUTL0125 PDC PDC)

Parâmetros do Pedidos de Compras

14 - Verifica Se Pode Informar Valor Zero No Pedido De Compra De Serv.

Indica se o pedido de compra de serviço pode ser gerado com valor igual a Zero.

56 - Permite Alterar O Preço Dos Itens Para Serviço De Terceiros.

Indica se será permitido alterar o preço do serviço.

Parâmetros do Notas Fiscais de Terceiros (FUTL0125 NFT NFT)

Parâmetros do Notas Fiscais de Terceiros

01 - Tipo De Nota Default Para Notas Fiscais De Terceiros.

Indicar neste o tipo de nota fiscal default para todas as notas de terceiros, o checkbox Lista Registro de Saída, do Cadastro do Tipo de Nota Fiscal de Saída (FPDV0103), deve estar desmarcado para que estas notas não saiam em nenhum registro fiscal.

Parâmetros de Produção (FUTL0125 PRD PRD)

Parâmetros de Produção

13 - Permite O Apontamento De Operaçoes De Terceiro (Fprd0201)?

Indica se será ou não permitido apontar operações de terceiros nas ordens de fabricação no programa Apontamento de Operações das Ordens (FPRD0201).

Parâmetros de Notas Fiscais de Entrada (FUTL0125 NFE NFE)

Parâmetros de Notas Fiscais de Entrada

22 - Valor Das Operações Realizadas Em Terceiros

Indica se o valor do item que será utilizado no cálculo da valorização de ordens (FMAN0253) é o valor do item da nota fiscal de entrada ou o valor contábil (com impostos).

Parâmetros Gerais de Custos (FUTL0125 CST CST)

Parâmetros Gerais de Custos

2 - Calcula Incid. Adm. Sobre Terceiros

Indica se o sistema irá ou não calcular as incidências administrativas no serviço de terceiros no cálculo do custo.

Parâmetros de Serviço de Terceiros (FUTL0125 TER TER)

Parâmetros de Serviço de Terceiros

1 - Código De Item Genérico Para Geração Do Pedido De Terceiros

Informar o código do item genérico que o sistema irá utilizar para gerar o pedido de serviço de terceiros, no cálculo do planejamento.

2 - Código De Item Genérico Para Remessa A Terceiros

Código de item genérico que será utilizado para remessa de material para terceiros, caso o roteiro de fabricação esteja com o tipo de remessa igual a "genérico".

3 - Prioridade Para Regras De Serviços De Terceiros

Indica qual é a prioridade para a análise das regras de preços de serviço de terceiros

I - Item

F - Fornecedor

O - Operação.

4 - Indica Se Grava O Item Genérico Ou Item Da Ordem De Produção

Indica se na hora de gravar o item do pedido de serviço deve pegar o item genérico ou o item da ordem de produção que gerou o serviço.

5 - Permite Inserir Itens Manualmente No Pedido De Serviço

Indica se o usuário poderá incluir, alterar e ou excluir itens manualmente no pedido de compra de serviço.

6 - Considerar Indicador "Rem/Ret" Para Gerar Ordem De Serviço

Indica se irá considerar o indicador "Rem/Ret", dos consumos da ordem, para levar as demandas para ordem de serviço.

S - Gera ordem com os consumos vinculados a operação e com o indicador "Rem/Ret" selecionados.

N - Gera ordem com todos consumos vinculados a operação. O parâmetro é utilizado no programa Liberação de Ordens de Compra (Planejadas) (FPLA0202), na geração de pedidos do tipo OCS.

Parâmetros da Manufatura (FUTL0125 MAN MAN)

Parâmetros da Manufatura

7- Entrega Ordem Na Última Operação

Indica no, caso de baixa por operação, a entrega de produção seja feita pelo apontamento da última operação, se não, deverá ser feita pelo programa de entrega de itens planejados.

Parâmetros do Estoque (FUTL0125 EQ EQ)

Parâmetros do Estoque

45 - Obrigar Controle de Estoque de Terceiros e em Terceiros

Parametrizar a obrigatoriedade do controle de estoque em relação ao envio de materiais da empresa para terceiros, em operações cuja a propriedade do produto continue sendo da empresa, e em relação ao recebimento de materiais de terceiros, em operações cuja a propriedade do produto continue sendo de terceiros.

Nos programas listados abaixo existem regras para a utilização deste parâmetro, quando o mesmo estiver respondido como "S":

1- Cadastro de Programas do Integrador (FINT0200);

2- Manutenção de Ordens de Fabricação (FPRD0200);

3- Liberação de Ordens de Fabricação (FPLA0201).

Cadastros Auxiliares

Antes de iniciar a utilização do processo de Contratação de Serviço (Operação de Terceiros) os seguintes cadastros auxiliares devem ser realizados no FoccoERP, conforme a necessidade da empresa.

Cadastro de tipos de Nota Fiscal de Saída (FPDV0103)

Cadastrar o tipo de nota fiscal de saída que será utilizado para movimentar as peças para o serviço de terceiro.

Preencher os campos da seguinte forma:

Tipo NF: Deve ser igual a Remessa para Beneficiamento.

Estoque: É importante observar a funcionalidade deste no Cadastro de tipos de Nota Fiscal de Saída (FPDV0103).

Motivo de Alteração Serviço de Terceiros (FTER0101)

Neste programa, cadastrar os motivos de alteração do preço do serviço de terceiro, os quais serão utilizados para alterar o preço dos itens, caso o parâmetro "56 - Permite Alterar O Preço Dos Itens Para Serviço De Terceiros", dos pedidos de compra, estiver com resposta igual a "S".

Importação de Preços (FTER0201 TER)

Utilizado para importar os preços, caso o fornecedor possua um arquivo em .TXT com as informações necessárias para preços serem importados, a tabela de preço de compra no programa Manutenção de Preços de Serviços de Terceiros (FTER0200).

Cadastro de Centros de Custos (FCTB0102)

Os centros de custo devem estar cadastrados conforme parâmetros da empresa, pois o mesmo será vinculado com o centro de trabalho.

Cadastro de Centros de Trabalho (FENG0110)

O centro de trabalho de terceiros deve ser cadastrado e vinculado ao centro de custo cadastrado no programa Cadastro de Centros de Custos (FCTB0102).

Cadastro de Operações (FENG0114)

Cadastrar a operação e vincular ao centro de trabalho, se desejado. As operações do serviço de terceiro devem estar com o campo Origem igual a "Terceiro". A operação será utilizada no Cadastro do Roteiro de Fabricação e é através desta que o cálculo do planejamento irá gerar a necessidade da ordem de fabricação e do pedido de serviço.

Manutenção de Preços de Serviços de Terceiros (FTER0200)

Este programa tem como principal função configurar a lista de preços de serviços de terceiros por item, por operação e por fornecedor. Os preços dos serviços podem ser definidos independentemente do controle de produção (ordens de fabricação, roteiros de fabricação e apontamento de produção), para tal basta cadastrar as operações de terceiros (FENG0114).

Os custos das operações cadastradas nos respectivos campos deste programa são utilizados no processo de formação do custo industrial dos itens fabricados.

Cadastro de Fornecedores (FFOR0200)

O fornecedor deve estar cadastrado como cliente para que seja possível emitir nota de saída do serviço.

Cadastro Cliente (FCLI0200)

O fornecedor deve ser transformado em cliente e na pasta Dados Faturamento, do Cadastro do Cliente, já é possível informar o tipo de nota fiscal de saída para o serviço de terceiro (remessa para industrialização), cadastrado no Tipo de Nota Fiscal de Saída (FPDV0103).

Cadastro da Tabela de Venda (FPRV0200)

Cadastrar a tabela de venda e sua respectiva lista de preço no cadastro de preços da tabela de vendas (FPRV0201), para que a mesma seja vinculada ao cliente no momento da geração da nota fiscal de saída e no envio das peças a serem industrializadas pelo fornecedor o preço seja carregado automaticamente.

Cadastro do Roteiro de Fabricação (FENG0202)

Se desejar que os custos sejam controlados em um único centro de custos deve-se criar um centro de custo do serviço de terceiro, um centro de trabalho do serviço de terceiro, uma operação de terceiro e vinculá-los.

A operação de terceiro no roteiro deve ser cadastrada como 'apontamento sim', 'tempo 1' e 'unidade de medida UN'.

No botão Consumo, o checkbox Rem/Ret deve ser utilizado para operações externas, quando nem todas as demandas serão enviadas a terceiros. Neste caso marcar as demandas que serão enviadas e responder o parâmetro "6 - Considerar Indicador "Rem/Ret" Para Gerar Ordem De Serviço de Serviço de Terceiros" dos Serviço de Terceiros como "S".

Observação

No campo Remessa Item Ordem, o item pai da ordem será utilizado para emitir a NFS e no campo Item Demanda, os itens filhos da ordem serão utilizados para emitir a NFS. Caso o parâmetro "45" de Estoque esteja ativo somente poderá ser selecionado o Item Demanda.

Cadastro de Tipos de Notas Fiscais de Entrada (FREC0101)

Para o processo de Contratação do Serviço de Terceiros, são necessários dois tipos de notas:

1) Tipo NF: Retorno de Beneficiamento.

Com o campo Estoque, igual a "Transf. Externa", para movimentar do Almoxarifado Externo do Fornecedor/Cliente para o Almoxarifado Interno:

a) Movimento de saída do item do Almoxarifado Externo (do fornecedor/cliente), com o tipo de movimento que está informado no parâmetro "48 - Tipo De Movimento De Estoque Para Transferência Externa", dos Parâmetros de Notas Fiscais de Entrada.

b) Movimento de entrada do item no almoxarifado indicado na nota, com o tipo de movimento que está informado no tipo de nota.

2) Tipo NF: Prestação de Serviços - Beneficiamento

Com o campo Estoque igual a "Atualiza" para realizar o movimento de entrada do item no almoxarifado indicado na Nota, com o tipo de movimento que será informado no tipo de nota.

Ou ainda, o Estoque igual a "Transferência Filhos", para realizar os mesmos movimentos dos itens que utilizariam o tipo NF "Retorno de Beneficiamento", ou seja, movimentar os itens filhos do Almoxarifado Externo do Fornecedor/Cliente para o Almoxarifado indicado na Nota.

Cadastro de Almoxarifados (FITE0103)

Cadastrar os almoxarifados externos (com o campo Localização igual a "Externo"), referente aos terceiros, o mesmo deve ser vinculado ao cliente/fornecedor que irá prestar o serviço.

Cadastro de Itens (FITE0200)

No cadastro do item de serviço de terceiros se deve marcar, na pasta Planejamento, o tipo de apontamento por operação e o tipo de baixa automática direta, para que o apontamento da operação a ser realizado na entrega da nota de entrada, para que, se necessário, a ordem seja encerrada com a nota de entrada, caso esta operação seja a última e o parâmetro "7 - Entrega Ordem Na Última Operação" dos parâmetros da manufatura, estiver com reposta igual a "S".

Passo a Passo

Passo a Passo

Todo o processo de Contratação de Serviço (Operação de Terceiros) do FoccoERP será explicado passo a passo a seguir:

Passo 1

Após responder todos os parâmetros e realizados todos os cadastros, conforme a necessidade da empresa, se deve, em caso da empresa possuir o cálculo do planejamento da produção (MRP):

Liberar as ordens de fabricação através do programa Liberação de Ordens de Fabricação (FPLA0201).

Importante

Quando o parâmetro "45 - Obrigar Controle de Estoque de Terceiros e em Terceiros" dos Parâmetros de Estoque (FUTL0125 EQ EQ) estiver respondido como "S" as ordens de fabricação com operações em terceiros, devem possuir somente uma única operação (a de terceiros). Caso contrário, não será possível a criação da ordem.

As ordens de fabricação que possuem consumo em operações de terceiros, não poderão ser criadas para itens cujo tipo de apontamento esteja marcado como "Por ordem" e baixa marcado como "Cadastro/Liberação".

Se a empresa não gera MRP, as ordens de fabricação devem ser geradas manualmente no programa de Manutenção de Ordens de Fabricação (FPRD0200).

Passo 2

Liberar os pedidos de compra através do programa Liberação das Ordens de Compra (FPLA0202). Este abrirá o programa Cadastro de Pedido de Serviço (FPDC0200 SER) e irá gerar o pedido de serviço (OCS).

Os pedidos de serviço possuem o vínculo com a ordem de fabricação através do campo Ordem na tela dos itens do pedido de serviço (FPDC0200 SER).

Se a empresa não gera MRP, os pedidos devem ser gerados manualmente no programa Cadastro de Pedidos de serviço (FPDC0200 SER).

Passo 3

Após emitir o pedido de compra de serviço, deve ser emitida a nota de saída de Remessa para Beneficiamento, com o tipo de nota cadastrado no Cadastro de Tipos de Nota Fiscal de Saída (FPDV0103), para o fornecedor que irá realizar o serviço (por isso o fornecedor deve estar cadastrado como cliente).

A nota fiscal de saída pode ser vinculada com o pedido de compra de serviço, através do botão Pedido de Compra, para criar o vínculo.

O envio do material pode ser: quantidade maior que a necessária para a ordem de fabricação e/ou por um terceiro caracterizando uma triangulação.

A nota de saída é composta pelos itens da demanda e não pelos itens da ordem. Neste momento o estoque irá sofrer a devida movimentação, movimento de transferência do almoxarifado interno para o almoxarifado externo, almoxarifado especifico do fornecedor (cadastrado no Cadastro de Almoxarifados (FITE0103)), conforme definido nas parametrizações do tipo de nota de saída (FPDV0103), campo Estoque.

Passo 4

Quando o fornecedor devolver as peças a nota fiscal de entrada será lançada no sistema no programa Manutenção de NFE (FREC0200).

A nota de entrada deve ser lançada vinculando a nota fiscal de saída de remessa, a nota de entrada será composta pelos itens de Retorno de Beneficiamento e outros itens que podem estar no fornecedor e foram informados avulsos.

O tipo de nota utilizado é Retorno de Beneficiamento - Para dar entrada nos itens da nota de saída realizada, que foram para beneficiamento. O movimento de estoque desses itens deverão ser de transferência externa de almoxarifado externo para um almoxarifado interno.

Lançar a nota de entrada vinculando o pedido de compra de serviço. A nota de entrada será composta pelos itens cobrança de beneficiamento (serviço de industrialização) o tipo de nota a ser utilizado é Prestação de Serviço - Beneficiamento: para atender o pedido de compra de serviço, ou seja, entrada do serviço e baixa da ordem de fabricação automaticamente.

Conforme parametrizações, ao lançar o item, a ordem de fabricação pode ter o seu apontamento realizado automaticamente.

Importante

Podem ser recebidas notas fiscais separadas para a cobrança e retorno conforme o fornecedor, a nota de retorno deve ser lançada primeiro.

Ao lançar a nota de entrada os itens do estoque externo (vinculado ao fornecedor) serão transferidos para o almoxarifado interno.

As movimentações de Estoque serão realizadas conforme parametrizado no campo Estoque dos tipos de nota de entrada, no Cadastro do Tipo de Nota Fiscal de Entrada (FREC0101).

Passo 5

Caso a ordem de fabricação não seja finalizada automaticamente (não esteja parametrizada para não entregar na última operação), o apontamento da mesma deve ser realizado através de um dos programas:

  • Entrega de Itens (Planejada) (FEST0112);

  • Apontamento de Operações da Ordem (FPRD0201).

Ao realizar o apontamento de produção, as demandas da ordem serão requisitadas e o item da ordem será entregue ao estoque e a operação será e finalizada. Caso a quantidade que retornou tenha sido menor que a quantidade enviada (parcial), pode-se fazer no programa Cancelamento/atendimento do Pedido (FPDC0203) a manutenção do pedido de compra de serviço.

O preço será convertido conforme a unidade de medida, explicado a seguir:

O processo de geração de pedidos de serviços considera a unidade de medida cadastrada na manutenção de preços de serviço de terceiros. Assim, a quantidade do item do pedido de compra é convertida considerando primeiramente o fator de conversão cadastrado na Manutenção de Preços de Serviço de Terceiros. Caso não exista nenhuma informação cadastrada, verifica no Cadastro de Conversões por Item, se este não possuir fator de conversão, verifica no Cadastro de Padrões por Conversão. Se o fator de conversão não for encontrado dentro desta hierarquia, é apresentada uma mensagem informando que é necessário cadastrar a taxa de conversão. Esta conversão é realizada no item genérico utilizado no pedido de serviço, bem como no item da ordem quando o roteiro de fabricação utilizar o tipo de remessa "Item da Ordem". A nota fiscal de saída realiza a conversão conforme hierarquia citada anteriormente.

Abaixo são citados dois exemplos de utilização do processo:

EXEMPLOS

EXEMPLO 1 Custo do Banho de Cromo, contratado com o Fornecedor a R$ 5,00 por Kg de unidades.

Neste exemplo, considera-se que no Cadastro de Roteiro de Fabricação (FENG0202) o campo Remessa esteja como "Item da Ordem", o parâmetro "50 - Converte A Qtde Do Item Da Ordem De Ocs Na Um Do Serviços De Terc" (dos Parâmetros de Pedidos de Compra) esteja com a resposta 'S', o parâmetro "4 - Indica Se Grava O Item Genérico Ou Item Da Ordem De Produção" (dos Parâmetros de Serviços de Terceiros) está com a resposta 'G' e o parâmetro "45 - Obrigar Controle de Estoque de Terceiros e em Terceiros" dos Parâmetros de Estoque (FUTL0125 EQ EQ) estiver respondido como "N".

O cadastro do preço de um item é realizado através do programa de Manutenção de Preços de Serviços de Terceiros (FTER0200). O preço é considerado na unidade de medida cadastrada para o fornecedor (KG). Após inclusão da ordem de fabricação para o item com a unidade de medida de estoque (UN), através da Manutenção de Ordens de Produção (FPRD0200), o pedido de compra é gerado através da Liberação de Ordens de Compra (planejadas) (FPLA0202). Neste programa, para localizar a ordem, utiliza-se o campo Tipo de Ordem selecionando a opção "Serviço". No Cadastro de Pedido de Compra, o fornecedor selecionado é o mesmo cadastrado no programa de Manutenção de Preços de Serviços de Terceiros (FTER0200) e o preço do item é convertido, juntamente com a quantidade, para a unidade de medida de serviços de terceiros.

Na Emissão de Notas Fiscais de Saída (FFAT0221) o cliente é correspondente ao fornecedor incluído no programa de Manutenção de Preços de Serviços de Terceiros (FTER0200) e o tipo de nota é 'Remessa para Beneficiamento'. O pedido de compra é selecionado para a emissão da nota. O preço unitário é o custo médio do item e não o valor do serviço, pois na nota de saída o item não é o serviço e sim o item para beneficiamento.

Para o retorno desta mercadoria é incluída uma nota de entrada através da Manutenção de Notas Fiscais de Entrada (FREC0200), onde o fornecedor é o mesmo do cadastro de preços do serviço de terceiros (e pedido de serviço) e os tipos de nota utilizados são:

  • Retorno de beneficiamento: para dar entrada nos itens que foram para beneficiamento;

  • Prestação de Serviço - Beneficiamento: para atender o pedido de compra de serviço, ou seja, dar entrada no serviço e baixar a ordem de fabricação.

Para exemplificar o resultado das consultas citadas abaixo, considera-se que a nota fiscal de entrada atendeu totalmente o pedido de serviço.

Consultando o pedido de compra através da Consulta de Pedidos de Compra (CPDC0400), a posição do pedido, o valor e a quantidade estão atendidos. Além disso, o histórico de movimentações dos itens apresenta dois movimentos: um referente à nota de saída e outro referente à nota de entrada.

Consultando a ordem de fabricação através da Consulta de Ordens de Fabricação (FPRD0400), a situação da ordem é encerrada e possui data de entrega e a quantidade entregue.

Consultando a ordem de serviço referente à ordem de fabricação, através da Consulta Ordens de Serviço Externo por Pedido (FTER0401), a posição do pedido é 'Atendido' e a quantidade pendente igual a '0'. A remessa não possui saldo, porém possui dois movimentos: um referente à nota de entrada e um referente à nota de saída.

Exemplo 2: Custo do material ao metro quadrado: R$ 10,00

Neste exemplo, considera-se que no Cadastro de Roteiro de Fabricação (FENG0202) o campo Remessa esteja como 'Item da Demanda' e o parâmetro "4 - Indica Se Grava O Item Genérico Ou Item Da Ordem De Produção" (Parâmetros de Serviços de Terceiros) está com a resposta 'G'.

O cadastro do preço de um item é realizado através do programa de Manutenção de Preços de Serviços de Terceiros (FTER0200). Neste caso, para obter o preço foi inserida uma fórmula como apresentada na tabela acima.

O valor resolvido da fórmula pode ser verificado nos campos Taxa MOD e Vlr.Total do Relatório da Estrutura de Produtos com Custos (FENG0357).

Após inclusão da ordem de fabricação para o item, através da Manutenção de Ordens de Produção (FPRD0200), o pedido de